A Justiça de Renan não é a mesma que ele fez valer para Dilma | Opinião | EL PAÍS Brasil

Renan foi fiel à Constituição quando lhe coube votar pelo impeachment, mas agora a despreza quando não está de acordo com ela

Fonte: A Justiça de Renan não é a mesma que ele fez valer para Dilma | Opinião | EL PAÍS Brasil

Oito meses atrás, 367 picaretas começaram a desgraceira em que o Brasil vive hoje | Luíz Müller Blog

Léa Marques no Facebook Eu só queria lembrar que daqui a 10 dias fazem exatos 8 meses que 367 deputados deram o golpe na democracia, afastando uma presidenta legitimamente eleita pelo povo com mais…

Fonte: Oito meses atrás, 367 picaretas começaram a desgraceira em que o Brasil vive hoje | Luíz Müller Blog

Após vencer STF, Renan fala em decisão “patriótica” | Brasil 24/7

O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), divulgou uma nota nesta quarta (7) após o Supremo Tribunal Federal rejeitar o afastamento dele do comando da Casa; no texto, o peemedebista disse que o Senado aplaude a decisão “patriótica” da Corte; “É com humildade que o Senado Federal recebe e aplaude a patriótica decisão do Supremo Tribunal Federal. A confiança na Justiça Brasileira e na separação dos poderes continua inabalada. O que passou não volta mais”, afirmou; placar pró-Renan no STF foi de 6 a 3

Fonte: Após vencer STF, Renan fala em decisão “patriótica” | Brasil 24/7

Ciro ao 247: o STF se dobrou a Renan | Brasil 24/7

O ex-ministro Ciro Gomes (PDT) afirmou, nesta quarta (7), em entrevista ao vivo ao 247, pelo Facebook, que o Supremo Tribunal Federal “se dobrou” ao presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB) ao mantê-lo no comando da Casa, mesmo após a decisão anterior do ministro Marco Aurélio Mello que determinava o afastamento do peemedebista; “Renan responde a 11 inquéritos no Supremo e mesmo assim foi mantido. Hoje, o Brasil não entende por que Cunha foi afastado e Renan não. Eu estou chocado. Argumentaram que a razão para afastar Cunha é que ele estava atrapalhando as investigações. E o Renan não estava? O caso do Renan é pior. Todos os ministros do Supremo são sabatinados no Senado. Então tem que ter maior severidade. O Supremo se dobrou a Renan. Se achou uma saída vergonhosa”, criticou; para Ciro, este episódio “introduz a última variável de insegurança na crise: não contar com um Judiciário firme”; Estamos em estado de anarquia”, disse

Fonte: Ciro ao 247: o STF se dobrou a Renan | Brasil 24/7

Morécio quebra da internet | Blog do Esmael

Enquanto o Brasil afunda… Milhares de “memes” sobre o súbito amor entre o senador tucano Aécio Neves e o juiz Sérgio Moro inundam a internet, quase a quebram pela criatividade quantitativa. “Moro + Aécio= Morécio”, diz um desses divertidos gifs simulando cena dos personagens de Kate Winslet e Leonardo Dicaprio no filme Titanic. O humorista José Simão não perdoou: “Exclusivo! Moro e Aécio estão de caso! Tão ficando!”. “Maldade desse povo. Estão dizendo que Moro estava negociando com Aécio uma felação premiada”, cravou o irônico blogueiro Eduardo Guimarães do Blog da Cidadania. O animado tititi entre Morécio ocorreu no evento da IstoÉ, na noite desta terça 7, que escolheu Michel Temer (PMDB) como o “Homem do Ano de 2016” (sic). A escolha de Temer também não passou batido nas redes sociais: “Um ano de merda que foi 2016 merece um merda como representante!”. Há quem tenha visto semelhanças entre a festa da IstoÉ e o célebre baile da Ilha Fiscal, que antecedeu a queda da Monarquia e o

Fonte: Morécio quebra da internet | Blog do Esmael

Renan cancela sessão após vencer Supremo | Blog do Esmael

O senador Renan Calheiros (PMDB-AL) conseguiu nesta quarta (7) dobrar os joelhos do Supremo Tribunal Federal. Após derrubar a liminar que pedia seu afastamento da presidência do Senado, o Rei do Brasil cancelou a sessão deliberativa para as 10h desta quinta (8). Além de comemorar a vitória sobre o Supremo, Renan também precisa de tempo para reorganizar a pauta de votações. É importante destacar que um grupo de parlamentares liderados pelo senador Ronaldo Caiado (DEM-GO) reuniu hoje assinaturas para retirar a urgência no projeto de abuso de autoridade. O texto pode ter sido usado como “moeda de troca” por Renan — em nome do próprio couro — com os ministros do STF. Também corre risco, se já não foi para o saco, a discussão sobre o teto salarial acima do teto constitucional. Por questões óbvias, os magistrados são contra a limitação dos ganhos deles conforme previsão legal. Moral da história: o Supremo não suportou um peitaço de Renan.

Fonte: Renan cancela sessão após vencer Supremo | Blog do Esmael

Renan fica. Abuso de autoridade sai | Blog do Esmael

O acordão costurado foi o seguinte: o projeto de abuso de autoridade sai do regime de urgência em troca da permanência de Renan Calheiros (PMDB-AL) na presidência do Senado. O Supreminho se ajoelhou para Renan. Sucumbiu negociando interesses corporativos. (Talvez o Senado também tenha perdido o interesse pelo controle dos supersalários dos magistrados). O placar foi de 6 votos a favor de Renan e 3 contra (o relator Marco Aurélio, Edson Fachin e Rosa Weber). Os ministros do STF retiraram Renan da linha sucessória da Presidência da República, mas o mantiveram no cargo. Renan precisa concluir as sacanagens contra os brasileiros — tais como aprovar a PEC 55 e acabar com a aposentadoria –, entenderam os ministros do Supreminho. Gilmar Mendes mostrou que manda no STF e Renan Calheiros provou que é o rei do Brasil. Votaram a favor de Renan os seguintes ministros: Celso Mello, Dias Toffoli, Ricardo Lewandowski, Luiz Fux, Teori Zavaski e Carmén Lúcia.

Fonte: Renan fica. Abuso de autoridade sai | Blog do Esmael