Manifesto do Projeto Brasil Nação

A missão do Projeto Brasil Nação é pensar o Brasil, ajudar a refundar a nação brasileira, unir os brasileiros em torno das ideias de nação e desenvolvimento. O Manifesto já conta com a assinatura de centenas de artistas, intelectuais e políticos brasileiros, entre eles Chico Buarque, Raduan Nassar, Laerte, Ciro Gomes, Wagner Moura, Eleonora de Lucena, Maria Rita Kehl e Roberto Schwarz.

Fonte: Manifesto do Projeto Brasil Nação

Acusado em delação, Temer chama ex-executivo da Odebrecht de mentiroso – Sul21

Da Redação* Após ter sido citado em delação do ex-executivo da Odebrecht Márcio Faria, o presidente Michel Temer gravou um vídeo nesta quinta-feira (13) negando participação no acerto de pagamento de propina da empreiteira ao PMDB. Temer disse que a mentira “causa repulsa” e que “jamais colocaria em risco” sua biografia. Ele também destaca sua confiança […]

Fonte: Acusado em delação, Temer chama ex-executivo da Odebrecht de mentiroso – Sul21

O PT e o Contrato Social de Hobbes. Por Carlos Fernandes

Não é tarefa para amadores entender o Brasil após a devastadora lista de Fachin. Destroçada a arena política brasileira tal qual a conhecemos, fica difícil imaginar uma saída honrosa para uma crise institucional tão profunda sobretudo quando nem a própria democracia foi poupada. Cobertos todos por uma verdadeira avalanche de lama, a imagem de terra […]

Fonte: O PT e o Contrato Social de Hobbes. Por Carlos Fernandes

Temer nega ter pedido propina a delator da Odebrecht , mas não rebate acusações de Janot | Brasil | EL PAÍS Brasil

Presidente grava vídeo no qual admite reunião com executivo que o acusa de ter pedido 40 milhões de dólares. Delator responde a pergunta de Cunha

Fonte: Temer nega ter pedido propina a delator da Odebrecht , mas não rebate acusações de Janot | Brasil | EL PAÍS Brasil

Em 2014, Temer assumiu pedidos de arrecadação de modo “relevante”, diz delator | GGN

 Jornal GGN – Comandando o PMDB na Câmara dos Deputados, Michel Temer não tinha o hábito de pedir propinas e caixa dois diretamente a executivos, papel que era dos atuais ministros do governo E

Fonte: Em 2014, Temer assumiu pedidos de arrecadação de modo “relevante”, diz delator | GGN