GEORGE MARQUES FALA…

Ainda repercute a má cobertura da imprensa sobre a greve geral de 28 de abril. Paula Cesarino, ombdusman da Folha, uma espécie de ‘síndica” do condomínio criticou hoje a má cobertura da jornal, que se preocupou em comprar a versão do governo sobre as paralisações.

Publicamente o Planalto busca minimizar o impacto da greve. No entanto, nos bastidores avalia que as paralisações tiveram sim um impacto expressivo na opinião pública e que tem potência para afetar a imagem de um governo trôpego e frágil.

Em bom português, parte da ‘grande’ imprensa comprou a narrativa do governo para enfraquecer a greve. Interessados na aprovação das reformas, houve pressão do empresariado que sustenta grandes jornais.

Portanto, a crítica de Cesarino soa completamente vazia quando escancara o óbvio. A Folha sabe fazer bom jornalismo, mas não o fez por compor junto ao Grupo Globo e o Estadão a trinca de defensores das reformas alinhadas aos interesses dos patrões.

Apesar do chapabranquismo da Trinca, veículos independentes como The Intercept Brasil, BBC, El País, Mídia Ninja, entre outros foram às ruas cobrir os atos e apresentar o que estava acontecendo no país. Ou seja, não é só uma questão de linha editorial o tropeço na cobertura dos ‘grandes’ jornais.

A curiosidade observada nessa suruba empresarial-midiática é um governo com 4% de aprovação (96% o rejeitam) conseguir vender uma narrativa para enfraquecer movimento da classe trabalhadora e parte da imprensa comprá-la.

Reitero e repito: vandalismo está para além de quebrar vidraças ou fechar ruas em protestos. Corroborar propostas que de tabela enfraquecem os direitos da classe trabalhadora também é uma forma de vandalismo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s